segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Palco Giratório: espetáculo ‘A Projetista’ em Juazeiro e Crato



“Em um projeto não existe nada além de um enorme espaço vazio a ser ocupado, sua nutrição é a vontade, o desejo de existir, de voar. A Projetista transita por terrenos áridos, secos, desnutridos, muito rasos. Todos repletos e plenos de possibilidades de construção, onde só a imaginação alcança. Ela se utiliza do nada para preencher o vazio do mundo. Projeta-se no espaço um pouco mais à frente...” (sinopse da divulgação do evento)
__

Projeto Palco Giratório 2016
Espetáculo A Projetista
Cia. Dudude - BH
Concepção e interpretação, texto: Dudude
Direção: Cristiane Paoli Quito
Assistência de direção: Lydia Del Pichia
Trilha sonora: Natália Mallo
Classificação: 12 anos.

Segunda-feira, 31 de outubro de 2016, 20h:
No Teatro Sesc Patativa do Assaré (Juazeiro do Norte-CE)
Entrada gratuita
(distribuição de ingressos 1h antes da apresentação, na entrada do Teatro)

Terça-feira, 1º de novembro de 2016, 19h
No Teatro Adalberto Vamozi (Sesc Crato-CE)
Entrada: 1Kg de alimento não perecível.

.

‘As Férias do Pequeno Nicolau’, filme de Laurent Tirard, no Cine Sesc Crato



Cine Sesc Crato
Exibição do filme As Férias do Pequeno Nicolau
Ficha técnica:
Título original: Les Vacances du Petit Nicolas
Direção: Laurent Tirard
Roteiro: Laurent Tirard, Grégoire Vigneron e Jaco Van Dormael (roteiro baseado em obra de René Goscinny e Jean-Jacques Sempé)
Elenco: Mathéo Boisselier, Valérie Lemercier, Kad Merad, Dominique Lavanant, François-Xavier Demaison, Bouli Lanners, Luca Zingaretti, Judith Henry, Francis Perrin
Duração: 97 minutos
Ano: 2014
País de origem: França
Classificação indicativa: 12 anos

“Termina o ano letivo. Nicolau (Mathéo Boisselier), seus pais e a avó viajam para o litoral com o objetivo de aproveitar ao máximo o verão.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na segunda-feira, 31 de outubro de 2016, às 19h
No Sesc Crato-CE. Entrada gratuita.

.

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

‘Discurso’, de Abidoral Jamacaru




Discurso
(Abidoral Jamacaru)

Você diz que a sua ideia galopa veloz
Porque a força da grana virou seu corcel
O seu estandarte é mais alto que o céu
E a sua pistola só cospe sentença
Por isso você pensa que é só você que pensa
É você só que pensa, é você só que pensa,
É você só que pensa?

Eu escarro na sua retórica
Pois ela exala o odor do enxofre
E a mim não engana, está muito evidente
A sua patente é sabor de suspeita
Você me acua, eu lhe mostro os dentes
Eu lhe mostro os dentes

Não me venha que o mundo é sinistro
Eu já não trajo nada, você traja ministro
Seu olhar é rubi, o meu é de lança
Isso tudo é uma dança
Cê sonha que eu durmo, eu durmo acordado
Cê tá de pijama, eu te vejo fardado, eu te vejo fardado
Eu te vejo fardado

Se você pensa que eu sou maluco, você pensou certo
Isto é um jogo aberto e eu não trago bandeira
A parte que eu gosto do abismo é a beira
Não sou o profeta, tampouco o discípulo
Vê se mata a charada, pois eu já te devoro
Eu já te devoro

Não se assuste, isso já passa, depois vem pior
Já sofri feito Jó e não estou mais disposto
A ficar todo roxo de levar porrada
Eu lhe grito no ouvido, não levo mais nada
Se quiser deixo escrito não sou Deus nem diabo
Nem um pé de quiabo
Não sou Deus nem diabo nem um pé de quiabo
Não sou Deus nem diabo nem um pé de quiabo
Nem um pé de quiabo.



____

Abidoral Jamacaru, no disco Bárbara (2008)
Capa do disco: Reginaldo Farias.

.

Lançamento do livro ‘O Amor é uma Cãibra’, de Ribamar Júnior, em Crato



“Primeiro livro da carreira do escritor, reúne versos de poesia e crônicas em 70 páginas. Influenciado por autores como Ana Cristina César, Clarice Lispector e Ronaldo Bressane, Ribamar escreve sobre as dores e os dilemas do ser de forma subjetiva. No caso, ele narra os passos de alguém até o mar, como se cada passo fosse uma nova barreira a ser derrubada.” (sinopse da divulgação do evento)
__

Projeto Bazar das Letras
Lançamento do livro O Amor é uma Cãibra, de Ribamar Júnior
Quinta-feira, 27 de outubro de 2016, às 19h
No Teatro Adalberto Vamozi
Sesc Crato-CE
Entrada gratuita.

.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Espetáculo ‘A Irmandade Secreta do Boi Santo’ em Juazeiro do Norte



“O espetáculo A Irmandade Secreta do Boi Santo mostra as tradições e manifestações da religiosidade, o milagre em que o Padre Cícero e a Beata Maria de Araújo foram os protagonistas, o sincretismo religioso presente na formação do povo do Cariri, história e lutas sociais presente no Caldeirão do Beato José Lourenço, com destaque para o Boi Mansinho. A comunidade pode refletir sobre a história do Cariri, suas tradições e raízes.” (sinopse da divulgação do evento)
__

Espetáculo A Irmandade Secreta do Boi Santo
CRAS Aeroporto
Projeto O CRAS vai ao Teatro
José André de Andrade (Juazeiro do Norte-CE)
Quarta-feira, 26 de outubro de 2016, 18h
No Teatro Centro Cultural do Banco do Nordeste - CCBNB Cariri
Juazeiro do Norte-CE
Entrada gratuita.

.

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Diego Moraes e Raul Misturada se apresentam em Juazeiro e Nova Olinda



Os músicos, cantores e compositores Raul Misturada e Diego Moraes fazem juntos a turnê de pré-lançamento de seus CDs, respectivamente, Equilibradamente Insano e É Que Eu Ando de Ônibus.

Show com Diego Moraes e Raul Misturada
Entrada gratuita

Sábado, 22 de outubro de 2016, 19h30:
No Teatro do Centro Cultural Banco do Nordeste - CCBNB Cariri
Juazeiro do Norte-CE

Domingo, 23 de outubro de 2016, 19h:
Na Fundação Casa Grande
Nova Olinda-CE.

.

‘Um Misterioso Assassinato em Manhattan’, filme de Woody Allen, em exibição no Cine Café



Cine Café (com mediação e curadoria de Elvis Pinheiro)
Exibição do filme Um Misterioso Assassinato em Manhattan
Ficha técnica:
Título original: Manhattan Murder Mystery
Direção: Woody Allen
Roteiro: Woody Allen, Marshall Brickman
Elenco: Woody Allen, Diane Keaton, Jerry Adler, Lynn Cohen, Alan Alda, Melanie Norris, Marge Redmond, Anjelica Huston, Joy Behar, Zach Braff, Sylvia Kauders
Duração: 104 minutos
Ano: 1993
País de origem: Estados Unidos

“Entediada, a dona de casa Carol Lipton passa a suspeitar que seu vizinho, um velhinho aparentemente pacato, matou a esposa.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição no sábado, 22 de outubro de 2016, às 17h30
No Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri (Juazeiro do Norte). Entrada gratuita.

.

Programação Orient Cinemas Cariri Shopping - de 20/10 a 26/10/2016

O Shaolin do Sertão
(O Shaolin do Sertão, 2015)
Direção: Halder Gomes
Produção executiva: Patrícia Baía
Produção: Halder Gomes
Elenco: Edmilson Filho, Fábio Goulart, Bruna Hamú, Dedé Santana, Marcos Vera, Fafy Siqueira, Falcão e Frank Menezes
País: Brasil
Estreia: 20/10/2016
Gênero: Comédia
Duração: 100 minutos
Distribuidor: Downtown/Paris
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Início da década de 80. O antigo MMA (Mixed Martial Arts), conhecido como 'Vale Tudo', vivia um momento de decadência. Seus lutadores não mais consguiam eventos para lutarem profissionalmente. Por outro lado, os filmes de `Kung Fu´ enchiam das locadoras de vídeo e criavam fantasias em milhares de aspirantes a mestres e ninjas. Dois mundos distintos, separados pelo duro realismo de um, e a pura fantasia de outro. O que aconteceria se estes mundos se chocassem? O Shaolin do Sertão traz este universo representado por dois personagens que vivem as situações mais antagônicas possível: um lutador profissional que sonha em voltar a lutar e um alienado por filmes de kung fu que sonha em voar como os ninjas de seus filmes preferidos.E se as circunstâncias os colocassem em confronto direto? Com muito humor, acão e resgate histórico dos desafios aos 'valentões', feitos por lutadores profissionais nas pequenas cidades do interior, o roteiro busca apresentar o confronto entre a pureza e a dureza da vida, metaforizado pelas lutas marciais. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Filme nacional: 14h20, 16h30, 18h40, 20h50 (Sala 1)
__


Inferno - O Filme
(Inferno, 2016)
Direção: Ron Howard
Produção executiva: Doug Belgrad, Dan Brown, William M. Connor, Anna Culp, David B. Householter
Elenco: Tom Hanks, Felicity Jones, Ben Foster, Omar Sy, Irrfan Khan, Sidse Babett Knudsen, Ana Ularu, Fausto Maria Sciarappa
Produção: Michael De Luca, Andrea Giannetti, Brian Grazer
País: EUA, Japão
Estreia: 13/10/2016
Gênero: Suspense, Thriller
Duração: 121 minutos
Distribuidor: Sony Pictures
Classificação indicativa: 14 anos
Sinopse: Para que a humanidade não entre extinção é necessário que metade dela seja sacrificada. Mas Robert Langdon (Tom Hanks) fará de tudo para que esse final catastrófico não torne-se realidade em #InfernoOFilme. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 13h30, 16h, 18h30 (Sala 2)
Legendado: 21h (Sala 2)
__


O Contador
(The Accountant, 2015)
Direção: Gavin O´Connor
Produção executiva: Marty P. Ewing, Gavin O´Connor, Jamie Patricof
Produção: Mark Williams, Lynette Howell Taylor
Elenco: Ben Affleck, Anna Kendrick, Jon Bernthal, JK Simmons, John Lithgow, Jeffrey Tambor, Dennis Keiffer
País: EUA
Estreia: 20/10/2016
Gênero: Ação, Drama, Thriller
Duração: 128 minutos
Distribuidor: Warner Bros.
Classificação indicativa: 14 anos
Sinopse: Christian Wolff (Affleck) é um portador da Síndrome de Savant com mais afinidade por números do que por pessoas. Tendo um escritório de contabilidade em uma cidadezinha como fachada, ele trabalha como contador autônomo para algumas das mais perigosas organizações criminosas do mundo. Com o Departamento Criminal do Ministério da Fazenda, coordenado por Ray King (J.K. Simmons), começando a fechar o cerco, Christian aceita um cliente legítimo: uma empresa de robótica de última geração onde uma assistente de contabilidade (Anna Kendrick) descobre uma discrepância envolvendo milhões de dólares. Porém, conforme Christian desvenda os registros e se aproxima da verdade, a contagem de corpos começa a subir. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 14h10, 18h50 (Sala 3)
Legendado: 21h30 (Sala 3)
__


Cegonhas - A História que Não Te Contaram
(Storks, 2015)
Direção: Nicholas Stoller, Doug Sweetland
Produção executiva: Glenn Ficarra, Phil Lord, Christopher Miller, John Requa, Jared Stern
Produção: Brad Lewis, Nicholas Stoller
Elenco: Vozes de: Andy Samberg, Jennifer Aniston, Ty Burrell, Kelsey Grammer, Katie Crown, Keegan-Michael Key, Jordan Peele, Anton Starkman
País: Estados Unidos
Estreia: 22/09/2016
Gênero: Animação, Comédia, Família
Duração: 92 minutos
Distribuidor: Warner Bros.
Classificação indicativa: livre
Sinopse: Cegonhas entregam bebês... ou pelo menos eles costumavam. Agora eles oferecem pacotes para a gigante global da internet Cornerstore.com. Junior, um dos principais entregadores da companhia, está prestes a ser promovido quando ele acidentalmente ativa a máquina que faz bebês, produzindo uma adorável e totalmente não autorizada bebê. Desesperado para entregar esse presentinho antes que o chefe descubra, Junior e sua amiga Tulipa, o único humano na Montanha das Cegonhas, correm para fazer sua primeira entrega de bebês em uma viagem selvagem e reveladora. Isso poderá fazer mais do que apenas iniciar uma família, mas também restaurar a verdadeira missão das cegonhas no mundo. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 16h50 (Sala 3)
__


O Lar das Crianças Peculiares
(Miss Peregrines Home for Peculiar Children, 2015)
Direção: Tim Burton
Produção executiva: Katterli Frauenfelder, Derek Frey, Nigel Gostelow
Produção: Peter Chernin, Jenno Topping
Elenco: Eva Green, Samuel L. Jackson, Asa Butterfield, Allison Janney, Ella Purnell, Judi Dench, Chris O´Dowd, Rupert Everett, Terence Stamp
País: EUA
Estreia: 29/09/2016
Gênero: Fantasia
Duração: 127 minutos
Distribuidor: 20th Century Fox
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Do visionário diretor Tim Burton, e baseado em um best-seller, esta é uma inesquecível experiência cinematográfica. Quando seu querido avô deixa pistas para Jake sobre um mistério que percorre diferentes mundos e tempos, ele encontra um lugar mágico conhecido como o Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Mas o mistério e perigo se aprofundam quando ele começa a conhecer os moradores e descobre seus poderes especiais… e seus inimigos poderosos. Por fim, Jake descobre também que somente a sua `peculiaridade´ especial pode salvar seus novos amigos. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 13h40, 16h20, 18h50 (Sala 4)
Legendado: 21h20 (Sala 4)
__ 


É Fada
(É Fada, 2016)
Direção: Cris D´Amato
Produção: Daniel Filho
Elenco: Kéfera Buchmann, Klara Castanho, Silvio Guindane, Mariana Santos, Carla Daniel, Clara Tiezzi, Christian Monassa
País: Brasil
Estreia: 06/10/2016
Gênero: Comédia
Duração: 85 minutos
Distribuidor: Imagem Filmes
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Geraldine (Kéfera Buchmann) é uma fada que perdeu suas asas por utilizar métodos pouco convencionais em suas missões. Sua última chance para recuperá-las será a missão Julia (Klara Castanho). Julia foi criada somente pelo pai, com muito amor e poucos recursos. Depois de anos, a mãe retorna e passa a questionar a educação de Julia. Eis que surge Geraldine para ajudá-la a vencer os preconceitos e estabelecer novas amizades. Mas Geraldine continua atrapalhada e Julia logo descobrirá que nem todas as fadas são iguais. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Filme nacional: 15h, 19h10 (Sala 5)
__


Kubo e as Cordas Mágicas
(Kubo and The Two Strings, 2016)
Direção: Travis Knight
Produção: Travis Knight, Arianne Sutner
Elenco: Vozes de: Matthew McConaughey, Charlize Theron, Rooney Mara, Ralph Fiennes, Brenda Vaccaro, Art Parkinson
País: EUA
Estreia: 13/10/2016
Gênero: Animação
Duração: 101 minutos
Distribuidor: Universal Pictures
Classificação indicativa: 10 anos
Sinopse: Kubo e as Cordas Mágicas (Kubo and the Two Strings) é uma ação-aventura épica localizada em um Japão fantástico do famoso estúdio de animação LAIKA. Esperto, o bondoso Kubo (dublado por Art Parkinson de Game of Thrones) ganha a vida humildemente, contando histórias para as pessoas de sua cidade litorânea junto com Hosato (George Takei), Akihiro (Cary-Hiroyuki Tagawa) e Kameyo (Nomeada ao Oscar, Brenda Vaccaro). Mas sua existência relativamente calma é quebrada quando ele acidentalmente invoca um espírito de seu passado que desce violentamente dos céus para impor uma antiga vingança. Agora em fuga, Kubo reúne forças com Monkey (vencedora do Oscar Charlize Theron) e Beetle (vencedor do Oscar Matthew McConaughey), e sai em uma emocionante busca para salvar sua família e resolver o mistério de seu falecido pai, o maior guerreiro samurai que o mundo já conheceu. Com a ajuda de seu shamisen – um instrumento musical mágico – Kubo irá lutar contra deuses e monstros, incluindo o vingativo Moon King (nomeado ao Oscar Ralph Fiennes) e as malvadas Irmãs Gêmeas (nomeada ao oscar Rooney Mara) para desbloquear o segredo de seu legado, reunir sua família e cumprir seu destino heroico. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 17h (Sala 5)
__


Assassino a Preço Fixo 2 - A Ressurreição
(The Mechanic 2: Resurrection, 2015)
Direção: Dennis Gansel
Produção executiva: Steven Chasman, Boaz Davidson, Frank DeMartini, Mark Gill, Avi Lerner, Brian Presley, Trevor Short
Produção: William Chartoff , Robert Earl, John Thompson, David Winkler
Elenco: Jason Statham, Jessica Alba, Tommy Lee Jones, Michelle Yeoh, Sam Hazeldine, John Cenatiempo, Toby Eddington, Femi Elufowoju Jr.
País: França, EUA
Estreia: 06/10/2016
Gênero: Ação, Thriller
Duração: 99 minutos
Distribuidor: Paris Filmes
Classificação indicativa: 14 anos
Sinopse: Bishop está de volta! E agora ele terá 36 horas para eliminar todos os seus inimigos e salvar o amor de sua vida. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 21h10 (Sala 5)
__


Ouija: Origem do Mal
(Ouija: Origin of Evil, 2016)
Direção: Mike Flanagan
Produção executiva: Victor Ho, Trevor Macy
Produção: Michael Bay, Jason Blum, Stephen Davis, Andrew Form, Bradley Fuller, Brian Goldner
Elenco: Doug Jones, Elizabeth Reaser, Henry Thomas, Kate Siegel, Lin Shaye, Annalise Basso, Alexis G. Zall, Lulu Wilson, Lincoln Melcher
País: EUA
Estreia: 20/10/2016
Gênero: Terror, Thriller
Duração: 99 minutos
Distribuidor: Universal Pictures
Classificação indicativa: 14 anos
Sinopse: O que começa como uma farsa para arrancar dinheiro de clientes céticos, se torna um terrível pesadelo quando Doris, a caçula da família, é possuída por espíritos malignos. O suspense Ouija – Origem do Mal (Ouija – Origin of Evil), sequência do longa que arrecadou mais de 100 milhões dólares em todo mundo, acaba de ter seu primeiro trailer mundialmente divulgado. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 14h, 16h10, 18h20 (Sala 6)
Legendado: 20h40 (Sala 6) 
_______________________

 

Ingresso:
Valores Inteiros (exceto Sala 3D Digital):
Segunda, terça e quarta (exceto feriado e véspera de feriado): R$14,00 (o dia todo)
De quinta a domingo (e feriado): R$ 18,00

Valores Inteiros para a Sala 3D Digital:
Segunda, terça e quarta (exceto feriado e véspera de feriado): R$18,00 (o dia todo)
De quinta a domingo (e feriado): R$24,00.

Promoção:
De segunda a quarta-feira, todos os ingressos por R$ 7,00, exceto sessões 3D (R$9,00 + R$8,00 óculos)

No Cinema do Cariri Garden Shopping (Juazeiro do Norte-CE)
Site Orient Cinemas: http://www.orientcinemas.com.br/
Número de telefone do cinema: (88) 3571.8275.

Programação sujeita a alterações.

.

‘Amor Sem Escalas’, filme de Jason Reitman, em exibição em Barbalha



Cine Café Volante em Barbalha (com mediação de Elvis Pinheiro)
Exibição do filme Amor Sem Escalas
Ficha técnica:
Título original: Up in the Air
Direção: Jason Reitman
Roteiro: Sheldon Turner, Jason Reitman (roteiro baseado em romance de Walter Kirn)
Elenco: George Clooney, Vera Farmiga, Anna Kendrick, Jason Bateman, Amy Morton, Melanie Lynskey, Danny McBride, Zach Galifianakis, J. K. Simmons, Sam Elliott
Duração: 109 minutos
Ano: 2009
País de origem: Estados Unidos

“Executivos que passam mais tempo em aeroportos e hotéis e que são especializados em demitir funcionários quando suas empresas são vendidas passam a ficar imunes a sentimentalismos e ao amor. Será meso que as pessoas podem evitar os sentimentos mais humanos e continuarem felizes?” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na sexta-feira, 21 de outubro de 2016, às 19h
No CEU Mestre Joaquim Mulato, Parque da Cidade de Barbalha-CE. Entrada gratuita.

.

Lunar 2ª edição com Coranta, Madalena Vinil, Cômodo Marfim e Algarobas



Lunar - 2ª Edição
Com as bandas Coranta, Madalena Vinil, Cômodo Marfim e Algarobas
Sábado, 22 de outubro de 2016, a partir das 22h
No Raul Rock Bar & Café (Av. Virgílio Távora, 950, Aeroporto)
Juazeiro do Norte-CE
Ingressos antecipados: R$10,00 (na Porão Rock).

.

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

E ela não volta mais?



por Maria Deyvianne dos Anjos

Elena (2012) é um documentário brasileiro dirigido por Petra Costa que relata de forma emocionante e sensível a vida da sua irmã, esta que dá nome ao filme. A história é narrada na voz da própria Petra e intercalada entre fragmentos de um diário, declarações, cartas e vídeos caseiros antigos da sua família, muitos filmados por Elena. Indescritível o modo como a diretora, que também foi roteirista junto com Carolina Ziskind, conta a relação de amor, poesia, afeto e, sobretudo, memória da sua convivência com a irmã 13 anos mais velha. Antes de tudo vale ressaltar que o formato desse longa-metragem traz constantemente a sensação de embalo numa dança leve, suave e envolvente.

Elena Andrade teve uma infância clandestina durante os anos de ditadura em que viveu no Brasil e a vida adulta turbilhonada entre sonhos, conflitos, realizações pessoais e profissionais. Toma desde cedo posse do sonho da sua mãe que era ser atriz, de fazer arte e em busca disso muda-se para Nova York. Após algum tempo não consegue mais seguir adiante, começando a se dissolver em seus sentimentos e angústias, o que acaba afetando também a vida de sua mãe Li An e Petra. Em um certo período e depois de alguns acontecimentos fica claro o medo que inquieta a mãe delas: que a sua caçula curse o mesmo caminho e destino.

Depoimentos de amigos, da sua mãe, filmados sobre o olhar incrível e admirável da diretora muito me agradou não só pela beleza mostrada na tela, como também pela forma tocante e inesperada ao tratar de um assunto tão forte e tão pessoal. São recordações que a cineasta constrói com imenso carinho e doçura eternizando-as numa película, na verdade me parece que esta foi a forma de Petra encontrar e se despedir da irmã pela ultima vez.

Além disso, imagino o quanto foi doloroso e ao mesmo tempo liberta(dor) todo o processo de criação, da produção a pós-produção dessa quase autobiografia, pois a história de Petra e da sua irmã se sobrepõe inúmeras vezes. Revirar o passado sempre nos traz memórias boas ou ruins e não se tem como escolher quais virão, elas simplesmente brotam e nos afetam.

Vale lembrar que ultimamente muito se tem falado sobre a predominância da figura masculina no cinema, em Elena isso foge da regra e esperamos que futuramente não seja mais uma exceção. A visão feminina predomina aqui, visto que as protagonistas são três mulheres de gerações distintas vivenciando dramas e conflitos em comum. Existe também o fato de Petra em uma entrevista afirmar que a sua intenção era fazer uma espécie de versão feminina de Bicho de Sete Cabeças (2001, Laís Bodanzky) um filme que muito a influenciou. Ademais, tanto a direção como o roteiro, montagem, direção de fotografia e arte entre outros setores se somados a equipe é constituída basicamente por mulheres.

Enfim, só me resta falar que definitivamente esse é um dos documentários mais lindos que vi na vida. Deixe-se mergulhar nele, reviver as lembranças da vida de outrem. A documentarista e simultaneamente personagem nos faz refletir que quando o tempo passa a dor precipita restando a saudade de quem foi e pode não mais voltar. “Pouco a pouco as dores viram água, viram memória” e até filmes maravilhosos como esse! 
____


Maria Deyvianne dos Anjos é alagoana, graduanda em medicina pela UFCA e integrante da Sétima desde Agosto de 2015. Amante do cinema e gauche na vida.

Texto originalmente publicado na SÉTIMA: Revista de Cinema (edição 33, de julho de 2016), que é distribuída gratuitamente na Região do Cariri cearense. A Revista Sétima é uma publicação do Grupo de Estudos Sétima de Cinema, que se reúne semanalmente no SESC de Juazeiro do Norte-CE.

Textos recentes da Revista Sétima postados no Blog O Berro:
- Carol e Lili, A Garota Dinamarquesa
- Mães recém-nascidas
- Licença, mas eu gosto de comédia romântica
- Uma Noite em 67 
- O documentário da subversão no Cariri: ‘O Caldeirão da Santa Cruz do Deserto’ e a multidão exterminada 
- Sales e salas
- A época em que está meu espírito
- Meus 10 melhores filmes de todos os tempos, por Ailton Jesus

.

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Armazém do Som com Luiz Fidélis



Armazém do Som
Show de Luiz Fidélis
Quinta-feira, 20 de outubro de 2016, 19h
No Teatro Sesc Patativa do Assaré
Juazeiro do Norte-CE
Entrada gratuita
Mais informações: (88) 3587.1065.

.

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

‘Pergunta de moradô’, de Geraldo Gonçalves de Alencar, e ‘Resposta de patrão’, de Patativa do Assaré




Pergunta de moradô
Autor: Geraldo Gonçalves de Alencar

Meu patrão, não tenho nada,
O sinhô de tudo tem,
Porém a razão de cada
É coisa que me convém.
Meu patrão tem boa vida,
Tem gado, loja surtida,
Farinha, mio e feijão,
Já eu não pissuio nada
Vivo de mão calejada
Na roça de meu patrão.

Meu patrão, seja sincero,
Seja franco, honesto, exato,
Preguntando assim não quero
Metê a mão em seu prato;
O que desejo sabê
Pode o sinhô me dizê
Sem medo e sem afrição,
Pode sê firme e sincero
Lhe juro como não quero
Usá de tapiação.

Fale sero sem tapiá
Certo cumo a exatidão,
Qué que meu patrão fazia
Se eu passasse a sê patrão
E meu patrão de repente
Tomasse a minha patente
De cativo moradô,
Morando numa paioça
Trabaiando em minha roça
Sendo meu trabaiadô?

E enquanto no meu roçado
Tratasse do meu legume
Me visse todo equipado
Todo pronto de prefume
Entrá pra dentro dum carro
Sem oiá seu sacrifiço
E o sinhô se acabrunhando
Trabaiando, trabaiando,
Acabando meu serviço?

Qué que meu patrão fazia
Se fosse meu moradô
Trabaiando todo dia
Bem por fora do valô?
Me vendo num palacete
Sabureando banquete
Daqueles que o sinhô come
E o sinhô no meu roçado
Trabaiando no alugado
Doente e passando fome?

Qué que meu patrão fazia
Nessas condição assim
Trabaiando todo dia
Num sacrifiço sem fim,
Sem obtê risurtado
Daquele grande roçado
Onde muito trabaiô,
O sinhô não se desgoste
Se fô possive arresposte,
O que fazia o sinhô?
__


Resposta de patrão
Autor: Patativa do Assaré

O que você perguntou,
Pobre infeliz agregado,
Com a resposta que eu dou
Ficará mais humilhado.
Se você fosse o patrão
E eu na sua sujeição,
Seria um estado horrendo
O meu grande padecer
E teria que fazer
O que você está fazendo.

Porém, eu tenho cuidado,
Meus planos sempre são certos
E o povo tem um ditado
Que o mundo é dos mais espertos;
Eu fui um menino pobre
Mas sempre arranjava cobre
No meu papel de estradeiro.
Esta tal honestidade
É contra a felicidade
De quem quer juntar dinheiro.

No papel de mexerico
Tirei primeiro lugar,
Fui o leva-e-traz do rico
Que vive a politicar,
Quando fiado eu comprava,
Depois a conta eu negava
E nunca me saí mal,
E pra fazer mão de gato,
Em favor de candidato,
Já fui cabo eleitoral.

Roubar no peso e medida
Sem o freguês perceber,
Foi coisa que em minha vida
Nunca deixei de fazer;
Com a minha inteligência
Repleta de experiência
Eu sempre me saí bem,
Assim eu fui pelejando,
Me virando, me virando
E hoje sou rico também.

Tenho fazenda de gado,
Tenho grande agricultura
E é à custa do agregado
Que eu faço grande fartura,
Toda vida eu me preparo
Para sempre vender caro
E sempre comprar barato
E o voto dos eleitores,
Que são os meus moradores
Eu vendo ao meu candidato.

Hoje, sou homem do meio,
Tenho o nome no jornal,
Tenho carro de passeio
E frequento a capital;
Se um homem ao outro explora,
Sei que ninguém ignora,
É fraqueza da matéria
E você, pobre agregado,
Tem que me escutar calado
E se acabar na miséria.

Me pergunta o que eu faria
Se eu fosse seu morador
Trabalhando todo dia
Bem por fora do valor!
E pergunta com o gesto
De quem é correto e honesto,
Porém, você está sabendo
Que em minha terra morando,
Passa a vida me pagando
E vai morrer me devendo.

Com a minha habilidade
Eu me defendo e me vingo,
Expondo minha verdade
Acabo seu choromingo,
Quando você perguntava
Achou que me encabulava
Com o seu grande clamor,
Mas tomou errado o bonde,
É assim que patrão responde
Pergunta de morador.
____

No livro Ispinho e Fulô, de Patativa do Assaré (1988).

.

Mostra de Música Instrumental em Crato



Mostra de Música Instrumental
De 19 a 21 de outubro de 2016, a partir das 19h
No Teatro Adalberto Vamozi - Sesc Crato-CE
Entrada: 1kg de alimento.

Programação:

19 de outubro (quarta-feira), 19h:
Cleivan Paiva; Choro Doce de Coco

20 de outubro (quinta-feira), 19h:
Prática de Conjunto da E.E.E.P. Virgílio Távora; Alumioso

21 de outubro (sexta-feira), 19h:
Distinto Duo; Synkrasis.

.

domingo, 16 de outubro de 2016

‘O Garoto da Bicicleta’, filme dos Irmãos Dardenne, no Cine Sesc Crato



Cine Sesc Crato
Exibição do filme O Garoto da Bicicleta
Ficha técnica:
Título original: Le gamin au vélo
Direção e roteiro: Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne (Irmãos Dardenne)
Elenco: Thomas Doret, Cécile De France, Jérémie Renier, Fabrizio Rongione, Egon Di Mateo, Olivier Gourmet
Duração: 87 minutos
Ano: 2011
Países de origem: Bélgica, França, Itália
Classificação indicativa: 10 anos

“Cyril Catoul (Thomas Doret) tem 12 anos de idade e um objetivo: encontrar o pai, que o deixou em um orfanato. Por acaso ele conhece Samantha (Cécile de France), a administradora de um salão de beleza.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na segunda-feira, 17 de outubro de 2016, às 19h
No Sesc Crato-CE. Entrada gratuita.

.

sábado, 15 de outubro de 2016

Banda Rei Bulldog apresenta tributo aos Beatles em Juazeiro do Norte



Show da banda Rei Bulldog - Tributo aos Beatles
Sábado, 15 de outubro de 2016, a partir das 22h
No Homer's Pub
Av. Castelo Branco com Ivanir Feitosa
Juazeiro do Norte-CE
Mais informações: (88) 9.8827.2412.

.

‘História Real’, filme de David Lynch, em exibição no Cine Café



Cine Café (com mediação e curadoria de Elvis Pinheiro)
Exibição do filme História Real
Ficha técnica:
Título original: The Straight Story
Direção: David Lynch
Roteiro: John Roach, Mary Sweeney
Elenco: Richard Farnsworth, Sissy Spacek, Harry Dean Stanton, Everett McGill, John Farley, Kevin P. Farley, Jane Heitz, Joseph A. Carpenter, Donald Wieggert, Tracey Maloney
Duração: 111 minutos
Ano: 1999
Países de origem: Estados Unidos, França, Reino Unido

“O filme é sobre Alvin Straight, um senhor idoso com uma vida tranquila no campo. Quando seu irmão, com quem não conversava há muito tempo, fica muito doente, ele decide visitá-lo.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição no sábado, 15 de outubro de 2016, às 17h30
No Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri (Juazeiro do Norte). Entrada gratuita.

.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Carol e Lili, A Garota Dinamarquesa



por Samuel Macêdo do Nascimento

Carol teve estreia no Festival de Cannes (2015) e traz a história de amor entre duas mulheres no início da década de 1950 nos Estado Unidos. Na época o país enfrentava problemas relacionados ao racismo e às questões de gênero. Rooney Mara que ganhou o Prêmio de interpretação feminina em Cannes nos lembra fisicamente a famosa atriz Audrey Hepburn, que interpretou Karen Wright em Infâmia, no mesmo ano do famoso Bonequinha de Luxo (Breakfast Tiffany's, 1961). Infâmia toca na questão da lesbianidade de maneira silenciosa e trágica. O filme também é estrelado por Shirley MacLaine que interpreta a personagem Martha Dobie que se apaixona por Karen Wright.

A Garota Dinamarquesa (The Danishy Girl) tem a direção de Tom Hooper e conta com a atuação de Eddie Redmayne que interpreta Einar Wegener e Lili Elbe - “como o rio Elbe”. Alicia Vikander interpreta Gerda Wegener, esposa de Einar. O promissor pintor da Dinamarca, Einar Wegener, tem a sua vida transdirecionada quando a sua provocativa esposa Gerda, que também é pintora, pede que Einar substitua uma de suas modelos para concluir um quadro de uma bailarina.

Cenas de amor e sexo entre Carol Aird (Cate Blanchett) e Therese Belivet (Rooney Mara) conduzem sequências do filme que traz a discussão dos preconceitos enfrentados por mulheres que amam outras mulheres. Nos anos sessenta e setenta a teórica feminista Monique Wittig escrevia na França os primeiros livros sobre o corpo da mulher lésbica. É nos anos 60 que surge a segunda fase do feminismo. As discussões, reflexões e ativismos fomentados nos primeiros anos do pós segunda guerra transbordam quando as mulheres passam a reivindicar direitos pelo seu próprio corpo e pelo seu desejo. A «mulher de comportamento estranho», como eram conhecidas as lésbicas nos campos de concentração do nazismo, se potencializa após a guerra.

O gesto e a ação de vestir uma meia e um sapato de mulher, faz com que Lili ganhe vida na relação do casal. Acredito que o nome Lili também não seja em vão, o nome doce também pode ser associada a personagem mítica Lilith, da lenda judaica, que é considerada para muitos, a primeira mulher do mundo, criada antes do homem, do barro e não da sua costela como Eva. Lilith foi mandada para a lua, por se recusar obedecer o deus judaico e o primeiro homem.

Carol Aird, uma mulher clássica da elite do seu país casada com um o homem de negócios e mãe de uma filha de quatro anos, conhece Therese, uma jovem imigrante que vive nos Estados Unidos e trabalha numa loja de brinquedos, enquanto compra um trem de brinquedo para a sua filha. Após realizar as compras de Natal, a misteriosa e sedutora cliente esquece seu par de luvas. O cruzamento de olhares entre ambas e o par de luvas tornam-se pretextos para que ambas criem vínculo de comunicação.

A Garota Dinamarquesa nos leva a refletir como os gêneros e os sexos são ensinados e controlados ao longo da vida, todos somos tornados “homens” e “mulheres”. Muitos teóricos da sexualidade e de gênero se dedicaram aos estudos, o francês Michel Foucault (1976), a norte-americana Judith Butler (1990), a brasileira Berenice Bento (2008), entre outros. Os discursos reguladores do Ocidente: da escola, do Estado, da Ciência, vão criando as normas e regras daquilo que convencionalmente entendemos por masculino e feminino. Lili passa a observar as mulheres do seu tempo para se tornar mulher e é considerada louca pelos médicos ao afirmar que é tão mulher quanto a esposa de Einer Wedege.

Enquanto isso Carol enfrenta um processo de divórcio e é surpreendida por uma cláusula de moralidade no acordo de separação pelo suposto envolvimento com Abby Gerhard (Sarah Paulson), sua amiga de infância e madrinha de sua filha. Antes do Natal, seu ex-marido a surpreende levando a filha de quatro anos para realizar uma viagem e depois Carol é informada que só verá a criança depois do processo de divórcio. Desolada, Carol convida Therese para viajar pelo país no período das festividades do fim do ano como pretexto para esquecer os problemas relacionados ao divórcio.

Lili vai “matando” Einar aos poucos e isso faz com que ela enfrente problemas em seu casamento, com sua arte (a pintura), com o seu próprio país e com a comunidade ao qual está inserida. Existem muitas sequências em que Lili se observa através de espelhos. Ao se projetar no espelho, Lili ganha materialidade e vida. Em uma cena particular, Einar se despe em frente ao espelho, esconde seu genital masculino com o truque* e se agarra como uma roupa de mulher.

Carol ganha aspectos de filme de viagem porque é dentro do carro, nas pousadas e na estrada, que Carol e Therese passam a fortalecer a relação. Ambas compartilham histórias, segredos e intimidades. Therese é apaixonada por fotografia e leva sua nova câmera, presente de Carol, para documentar a viagem, as pessoas e a própria amiga. Carol retrata as dificuldades enfrentadas pelas mulheres daquele período. O comportamento, as relações sociais e de trabalho, a cultura e todas as esferas da vida em coletividade continuavam engessando a mulher, os seus desejos e a sua liberdade do corpo. Carol e Therese são cortejadas por homens que as lembram - a todo momento - que uma mulher deve aceitar a suposta naturalidade dos gêneros.

A indumentária de Lili possibilita que seu antigo corpo ganhe uma outra materialidade. Depois de passar por médicos e tratamentos distintos, Lili conhece um médico que propõe que ela faça a cirurgia de readequação do gênero. Lili é a primeira mulher trans da história a fazer o procedimento cirúrgico num período em que não havia debates, estudos e pesquisas sobre a transexualidade. Lili Elbe escreve toda sua experiência em diários que se tornarão livro. É importante lembrar que Lili passa a ser musa de Gerda Wegener que passa a retratar Lili em diversas pinturas chegando a expor esses quadros em Paris. Podemos também considerar A Garota Dinamarquesa um filme feminista que concorreu a quatro indicações ao Oscar 2016: Melhor Ator para Eddie Redmayne (que levou o prêmio do ano passado), Melhor Atriz Coadjuvante para Alicia Vikander (Greta Wegener), Figurino e Design de Produção.

Premiado com o Queer Palm, Carol concorreu ao Oscar de Melhor Atriz para Cate Blanchett, Melhor Atriz Coadjuvante para Rooney Mara, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Fotografia e Melhor Figurino. Todas essas categorias são marcantes nos elementos que constroem misancene: atuação, trilha sonora, roteiro baseado no livro The Price of Salt, fotografia e indumentário. Juntos eles se conectam e nos transportam para a primeira década do pós-segunda guerra, caracterizada por uma sociedade das tecnologias da comunicação (rádio, TV, jornal impresso), mas que por outro lado enfrentava preconceitos gerados pelos fantasmas que perseguiram e exterminaram os diferentes nas primeiras décadas do século XX.

*Truque é uma expressão utilizada pelas travestis. Não existe travesti sem o truque. O truque nada mais é que a ação de esconder o pênis. A partir do truque as travestis aparentam ter uma vagina.
____


Samuel Macêdo do Nascimento é formado em Comunicação Social (Jornalismo), Mestre em Cultura e Sociedade e membro do Grupo de Pesquisa em Cultura e Sexualidade.

Texto originalmente publicado na SÉTIMA: Revista de Cinema (edição 33, de julho de 2016), que é distribuída gratuitamente na Região do Cariri cearense. A Revista Sétima é uma publicação do Grupo de Estudos Sétima de Cinema, que se reúne semanalmente no SESC de Juazeiro do Norte-CE.

Textos recentes da Revista Sétima postados no Blog O Berro:
- Mães recém-nascidas
- Licença, mas eu gosto de comédia romântica
- Uma Noite em 67 
- O documentário da subversão no Cariri: ‘O Caldeirão da Santa Cruz do Deserto’ e a multidão exterminada 
- Sales e salas
- A época em que está meu espírito
- Meus 10 melhores filmes de todos os tempos, por Ailton Jesus 
- As asas de Ythallo Rodrigues

.

Dudé Casado no Armazém do Som



Armazém do Som
Show com Dudé Casado
Sábado, 15 de outubro de 2016, 19h
Na Pracinha do Cruzeiro, Crato-CE
Gratuito
Mais informações: (88) 3523.4444.

.

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Leandro Gomes de Barros e o Romance em Cordel no Clube do Leitor



“Natural de Pombal-PB, Leandro Gomes de Barros nasceu no dia 19 de novembro de 1865. Foi, sem dúvidas, o maior poeta da Literatura de Cordel. Sua magnífica poesia invadiu os sertões nordestinos, encontrando o imaginário do povo com histórias ricas em gracejos, amores, tragédias e batalhas, todas escritas com muito esmero, principalmente quanto à métrica e à rima, ambas de indiscutível qualidade.” (sinopse da divulgação do evento)
__

Clube do Leitor do CCBNB Cariri
Leandro Gomes de Barros e o Romance em Cordel
Facilitador: Francisco Bruno da Silva
Sexta-feira, 14 de outubro de 2016, 18h
Na Biblioteca do Centro Cultural Banco do Nordeste - CCBNB Cariri
Juazeiro do Norte-CE
Entrada gratuita.

.

Programação Orient Cinemas Cariri Shopping - de 13/10 a 19/10/2016

O Shaolin do Sertão
(O Shaolin do Sertão, 2015)
Direção: Halder Gomes
Produção executiva: Patrícia Baía
Produção: Halder Gomes
Elenco: Edmilson Filho, Fábio Goulart, Bruna Hamú, Dedé Santana, Marcos Vera, Fafy Siqueira, Falcão e Frank Menezes
País: Brasil
Estreia: 20/10/2016
Gênero: Comédia
Duração: 100 minutos
Distribuidor: Downtown/Paris
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Início da década de 80. O antigo MMA (Mixed Martial Arts), conhecido como 'Vale Tudo', vivia um momento de decadência. Seus lutadores não mais consguiam eventos para lutarem profissionalmente. Por outro lado, os filmes de `Kung Fu´ enchiam das locadoras de vídeo e criavam fantasias em milhares de aspirantes a mestres e ninjas. Dois mundos distintos, separados pelo duro realismo de um, e a pura fantasia de outro. O que aconteceria se estes mundos se chocassem? `O Shaolin do Sertão´ traz este universo representado por dois personagens que vivem as situações mais antagônicas possível: um lutador profissional que sonha em voltar a lutar e um alienado por filmes de kung fu que sonha em voar como os ninjas de seus filmes preferidos.E se as circunstâncias os colocassem em confronto direto? Com muito humor, acão e resgate histórico dos desafios aos 'valentões', feitos por lutadores profissionais nas pequenas cidades do interior, o roteiro busca apresentar o confronto entre a pureza e a dureza da vida, metaforizado pelas lutas marciais. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Filme nacional: 14h20, 16h30, 18h40*, 20h50* (Sala 1)
*Exceto terça-feira (18/10)
__


Inferno - O Filme
(Inferno, 2016)
Direção: Ron Howard
Produção executiva: Doug Belgrad, Dan Brown, William M. Connor, Anna Culp, David B. Householter
Elenco: Tom Hanks, Felicity Jones, Ben Foster, Omar Sy, Irrfan Khan, Sidse Babett Knudsen, Ana Ularu, Fausto Maria Sciarappa
Produção: Michael De Luca, Andrea Giannetti, Brian Grazer
País: EUA, Japão
Estreia: 13/10/2016
Gênero: Suspense, Thriller
Duração: 121 minutos
Distribuidor: Sony Pictures
Classificação indicativa: 14 anos
Sinopse: Para que a humanidade não entre extinção é necessário que metade dela seja sacrificada. Mas Robert Langdon (Tom Hanks) fará de tudo para que esse final catastrófico não torne-se realidade em #InfernoOFilme. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 13h30, 16h, 18h30 (Sala 2)
Legendado: 21h (Sala 2)
__


É Fada
(É Fada, 2016)
Direção: Cris D´Amato
Produção: Daniel Filho
Elenco: Kéfera Buchmann, Klara Castanho, Silvio Guindane, Mariana Santos, Carla Daniel, Clara Tiezzi, Christian Monassa
País: Brasil
Estreia: 06/10/2016
Gênero: Comédia
Duração: 85 minutos
Distribuidor: Imagem Filmes
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Geraldine (Kéfera Buchmann) é uma fada que perdeu suas asas por utilizar métodos pouco convencionais em suas missões. Sua última chance para recuperá-las será a missão Julia (Klara Castanho). Julia foi criada somente pelo pai, com muito amor e poucos recursos. Depois de anos, a mãe retorna e passa a questionar a educação de Julia. Eis que surge Geraldine para ajudá-la a vencer os preconceitos e estabelecer novas amizades. Mas Geraldine continua atrapalhada e Julia logo descobrirá que nem todas as fadas são iguais. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Filme nacional: 14h40, 16h40, 18h40, 20h40 (Sala 3)
__


Cegonhas - A História que Não Te Contaram
(Storks, 2015)
Direção: Nicholas Stoller, Doug Sweetland
Produção executiva: Glenn Ficarra, Phil Lord, Christopher Miller, John Requa, Jared Stern
Produção: Brad Lewis, Nicholas Stoller
Elenco: Vozes de: Andy Samberg, Jennifer Aniston, Ty Burrell, Kelsey Grammer, Katie Crown, Keegan-Michael Key, Jordan Peele, Anton Starkman
País: Estados Unidos
Estreia: 22/09/2016
Gênero: Animação, Comédia, Família
Duração: 92 minutos
Distribuidor: Warner Bros.
Classificação indicativa: livre
Sinopse: Cegonhas entregam bebês... ou pelo menos eles costumavam. Agora eles oferecem pacotes para a gigante global da internet Cornerstore.com. Junior, um dos principais entregadores da companhia, está prestes a ser promovido quando ele acidentalmente ativa a máquina que faz bebês, produzindo uma adorável e totalmente não autorizada bebê. Desesperado para entregar esse presentinho antes que o chefe descubra, Junior e sua amiga Tulipa, o único humano na Montanha das Cegonhas, correm para fazer sua primeira entrega de bebês em uma viagem selvagem e reveladora. Isso poderá fazer mais do que apenas iniciar uma família, mas também restaurar a verdadeira missão das cegonhas no mundo. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 15h10, 17h10 (Sala 4)
__


Kubo e as Cordas Mágicas
(Kubo and The Two Strings, 2016)
Direção: Travis Knight
Produção: Travis Knight, Arianne Sutner
Elenco: Vozes de: Matthew McConaughey, Charlize Theron, Rooney Mara, Ralph Fiennes, Brenda Vaccaro, Art Parkinson
País: EUA
Estreia: 13/10/2016
Gênero: Animação
Duração: 101 minutos
Distribuidor: Universal Pictures
Classificação indicativa: 10 anos
Sinopse: Kubo e as Cordas Mágicas (Kubo and the Two Strings) é uma ação-aventura épica localizada em um Japão fantástico do famoso estúdio de animação LAIKA. Esperto, o bondoso Kubo (dublado por Art Parkinson de Game of Thrones) ganha a vida humildemente, contando histórias para as pessoas de sua cidade litorânea junto com Hosato (George Takei), Akihiro (Cary-Hiroyuki Tagawa) e Kameyo (Nomeada ao Oscar, Brenda Vaccaro). Mas sua existência relativamente calma é quebrada quando ele acidentalmente invoca um espírito de seu passado que desce violentamente dos céus para impor uma antiga vingança. Agora em fuga, Kubo reúne forças com Monkey (vencedora do Oscar Charlize Theron) e Beetle (vencedor do Oscar Matthew McConaughey), e sai em uma emocionante busca para salvar sua família e resolver o mistério de seu falecido pai, o maior guerreiro samurai que o mundo já conheceu. Com a ajuda de seu shamisen – um instrumento musical mágico – Kubo irá lutar contra deuses e monstros, incluindo o vingativo Moon King (nomeado ao Oscar Ralph Fiennes) e as malvadas Irmãs Gêmeas (nomeada ao oscar Rooney Mara) para desbloquear o segredo de seu legado, reunir sua família e cumprir seu destino heroico. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 14h, 16h20, 18h50 (Sala 5)
__


O Lar das Crianças Peculiares
(Miss Peregrines Home for Peculiar Children, 2015)
Direção: Tim Burton
Produção executiva: Katterli Frauenfelder, Derek Frey, Nigel Gostelow
Produção: Peter Chernin, Jenno Topping
Elenco: Eva Green, Samuel L. Jackson, Asa Butterfield, Allison Janney, Ella Purnell, Judi Dench, Chris O´Dowd, Rupert Everett, Terence Stamp
País: EUA
Estreia: 29/09/2016
Gênero: Fantasia
Duração: 127 minutos
Distribuidor: 20th Century Fox
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Do visionário diretor Tim Burton, e baseado em um best-seller, esta é uma inesquecível experiência cinematográfica. Quando seu querido avô deixa pistas para Jake sobre um mistério que percorre diferentes mundos e tempos, ele encontra um lugar mágico conhecido como o Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Mas o mistério e perigo se aprofundam quando ele começa a conhecer os moradores e descobre seus poderes especiais… e seus inimigos poderosos. Por fim, Jake descobre também que somente a sua `peculiaridade´ especial pode salvar seus novos amigos. (para assistir ao trailer, clique aqui)

Dublado: 12h40, 15h20, 18h (Sala 6)
Legendado: 20h20 (Sala 6)
_______________________

 

Ingresso:
Valores Inteiros (exceto Sala 3D Digital):
Segunda, terça e quarta (exceto feriado e véspera de feriado): R$14,00 (o dia todo)
De quinta a domingo (e feriado): R$ 18,00

Valores Inteiros para a Sala 3D Digital:
Segunda, terça e quarta (exceto feriado e véspera de feriado): R$18,00 (o dia todo)
De quinta a domingo (e feriado): R$24,00.

Promoção:
De segunda a quarta-feira, todos os ingressos por R$ 7,00, exceto sessões 3D (R$9,00 + R$8,00 óculos)

No Cinema do Cariri Garden Shopping (Juazeiro do Norte-CE)
Site Orient Cinemas: http://www.orientcinemas.com.br/
Número de telefone do cinema: (88) 3571.8275.

Programação sujeita a alterações.

.

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Feira Cariri Criativo de outubro de 2016 - Edição especial de 2 anos



Feira Cariri Criativo - Edição especial de 2 anos
De 13 a 15 de outubro de 2016, das 18h às 22h

Na RFFSA (Crato-CE)
Gratuito.

Programação geral:

13/10 (quinta-feira):
18h: Oficina de Danças Populares - João do Crato
19h: Vinil - Sulco de Vinil
20h30: Discotecagem - #Viva
*Poema na Feira - Lançamento da Revista Satirika

14/10 (sexta-feira):
18h: Discotecagem - Ravi Carvalho e Elvis Pinheiro
20h: Show - Zero Grau de Libra
21h30: Show - Nara Fidélis
*Poema na Feira - Cais do Porto, com poemas do livro E(R)ROS
*Lançamento do Jornal Sertão Transviado
*Performance Fotográfica - VI Photo

15/10 (sábado):
18h: Cine Arte Clube - Filme Preceitos Ecológicos do Padre Cícero
18h30: Vinil - Aglaíze Damasceno
20h: Show - Ursula Feitosa & Julius Patrício
21h30: Show - Trio Patativa
*Poema na Feira - Tati Evangelista.

.

Exposição ‘Juazeiro de Nazaré’



“Por meio de exercícios diários de percepção do olhar, Nazaré nos apresenta sua poética infantil, entre gestos que buscam traços, entre movimentos que traçam cores, ela vai ‘escrevendo’ através do desenho seu universo cotidiano, pessoas, lugares, ações e afetos que compõem os seus dias.” (sinopse da divulgação do evento)
__

Exposição Juazeiro de Nazaré
Nazaré Feitosa
Curadoria: Aglaíze Damasceno
Abertura: quarta-feira, 12 de outubro de 2016, 16h
Período de visitação: de 12 de outubro a 12 de novembro de 2016
Na Galeria 5B do Centro Cultural Banco do Nordeste - CCBNB Cariri
Juazeiro do Norte-CE
Entrada gratuita.

.

Ato Show #ForaTemer em Crato



Ato Show Fora Temer com diversas atrações
Alguns dos artistas já confirmados: Abidoral Jamacaru, Dudé Casado, Janinha Brito, Fatinha Gomes, Carlos Corda, Matilha 16, Fabricio Skinny, Manel de Jardim, Dazára Sounds, Davi Sobreira, Bruno Rass, Banda Úlcera, Zaubar, Rômulo Cordeiro, Vevas Alves, Toni G.D.F, Grupo Mutucando, Josú Ribeiro, entre outros
Quarta-feira, 12 de outubro de 2016, a partir das 17h
Na Praça Siqueira Campos (Crato-CE)
Gratuito.

.

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

‘Mephisto’, filme de István Szabó, em exibição na Casa Ninho



Cine Café Volante na Casa Ninho
Com curadoria e mediação de Elvis Pinheiro
Exibição do filme Mephisto
Ficha técnica:
Título original: Mephisto
Direção: István Szabó
Roteiro: Péter Dobai, István Szabó (roteiro baseado em obra de Klaus Mann)
Elenco: Klaus Maria Brandauer, Krystyna Janda, Ildikó Bánsági, Rolf Hoppe, György Cserhalmi, Péter Andorai, Karin Boyd, Christine Harbort, Tamás Major
Duração: 144 minutos
Ano: 1981
Países de origem: Hungria, Alemanha Ocidental, Áustria

“Alemanha, 1930. Hendrik Höfgen é um ambicioso ator que não se interessa por política, se dedicando somente à sua carreira.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na terça-feira, 11 de outubro de 2016, às 19h
Na Casa Ninho (em frente à RFFSA - Crato-CE). Entrada gratuita.

.

Minicurso 'As Faces da Violência em Contos de Machado de Assis'



Minicurso As Faces da Violência em Contos de Machado de Assis
Ministrantes: Edson Martins, Renée Ferreira e Émerson Cardoso
Dias 17 e 24 de outubro de 2016, das 14h`as 17h
No Bloco de Letras da URCA (Campus do Pimenta - Crato-CE)
Inscrições até 14/10, gratuitas e exclusivamente pelo e-mail:
minicursomachado@gmail.com
Obs.: não haverá emissão de certificados.

.

domingo, 9 de outubro de 2016

‘Uma Viagem Extraordinária’, filme de Jean-Pierre Jeunet, no Cine Sesc Crato



Cine Sesc Crato
Exibição do filme Uma Viagem Extraordinária
Ficha técnica:
Título original: L'Extravagant Voyage du jeune et prodigieux T. S. Spivet
Direção: Jean-Pierre Jeunet
Roteiro: Jean-Pierre Jeunet, Guillaume Laurant
Elenco: Helena Bonham Carter, Judy Davis, Callum Keith Rennie, Kyle Catlett, Niamh Wilson, Jakob Davies, Rick Mercer, Dominique Pinon, Julian Richings, Richard Jutras
Duração: 105 minutos
Ano: 2013
Países de origem: França, Canadá
Classificação indicativa: 10 anos

“Aos doze anos de idade, T.S. Spivet é um garoto superdotado, apaixonado por cartografia. Quando ele ganha um prêmio científico prestigioso, o garoto decide abandonar sua família em Montana para atravessar sozinho os Estados Unidos, até chegar a Washington.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na segunda-feira, 10 de outubro de 2016, às 19h
No Sesc Crato-CE. Entrada gratuita.

.

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

‘Gattaca - A Experiência Genética’, filme de Andrew Niccol, no Cine Café



Cine Café (com mediação e curadoria de Elvis Pinheiro)
Exibição do filme Gattaca - A Experiência Genética
Ficha técnica:
Título original: Gattaca
Direção e roteiro: Andrew Niccol
Elenco: Ethan Hawke, Uma Thurman, Jude Law, Gore Vidal, Xander Berkeley, Jayne Brook, Maya Rudolph, Mason Gamble, Una Damon, Elizabeth Dennehy, Blair Underwood
Duração: 106 minutos
Ano: 1997
País de origem: Estados Unidos

“No futuro, a Gattaca é uma empresa que faz viagens espaciais. Nesse mesmo futuro, o DNA das pessoas é analisado para determinar toda a vida da pessoa a partir do seu nascimento.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição no sábado, 08 de outubro de 2016, às 17h30
No Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri (Juazeiro do Norte). Entrada gratuita.

.

Andread Jó, Dom Rasta e Tiro Certeiro fazem show em Crato



Show com Andread Jó, Dom Rasta e Tiro Certeiro (Cover de Chico Science)
Sábado, 08 de outubro de 2016, 22h
No Crato Tênis Clube
Ingressos antecipados: Porão Rock, Farmácias Gentil e Avalon Locadora
Mais informações: (88) 9.8804.9609.

.

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

‘Arizona Nunca Mais’, filme de Joel Coen, em exibição em Barbalha



Cine Café Volante em Barbalha (com mediação de Elvis Pinheiro)
Exibição do filme Arizona Nunca Mais
Ficha técnica:
Título original: Raising Arizona
Direção: Joel Coen, Ethan Coen (não creditado)
Roteiro: Joel Coen e Ethan Coen (Irmãos Coen)
Elenco: Nicolas Cage, Holly Hunter, Trey Wilson, John Goodman, William Forsythe, Sam McMurray, Frances McDormand, Randall 'Tex' Cobb, T.J. Kuhn, Lynne Dumin Kitei
Duração: 92 minutos
Ano: 1987
País de origem: Estados Unidos

“Ex-presidiário casa com policial que sonha em ser mãe, mas descobre-se estéril. Ao mesmo tempo, um rico empresário torna-se pai de trigêmeos. Nas mãos dos irmãos Coen esse mote se transformará em cenas memoráveis repletas de humor negro.” (sinopse da divulgação do evento)

Exibição na sexta-feira, 07 de outubro de 2016, às 19h
No CEU Mestre Joaquim Mulato, Parque da Cidade de Barbalha-CE. Entrada gratuita.

.

Mães recém-nascidas



por Débora Costa

Quando tive meu filho, eu passei a procurar filmes sobre essa vivência do pós-parto, e resultou que não encontrei muitos. De início, fiquei surpresa, mas logo, refletindo sobre, percebi que não podia ser diferente, o puerpério* é um tabu e falarei sobre isso mais adiante. Bom, um filme que surgia direto nas minhas buscas, foi O Estranho em Mim [Das Fremde in Mir, 2008]. É um longa alemão, dirigido por uma mulher, Emily Atef, que relata, de modo bem didático, uma experiência de depressão pós-parto. Escolhi ele para servir de pano de fundo para essa conversa.

Por que seria difícil falar sobre o que acontece depois do nascimento do bebê? Eu diria que temem desconstruir o famoso “instinto materno”. A sociedade acredita piamente que existe a maternagem inata: o bebê nasceu, a mãe já o ama incondicional e instantaneamente. O que é uma falácia, na maioria dos casos. No filme, conhecemos Rebecca (lindamente interpretada por Susanne Wolff), que tem o seu filhinho tão esperado, mas que não consegue lidar com ele depois de nascido, diante das expectativas que tinha. Pior, não consegue ao menos lidar com esses sentimentos dentro dela, não consegue sequer refletir sobre eles. Ao parir, Rebecca também se deu à luz, e o parto dói: a dor de ser mãe, o luto por aquela mulher antes da gravidez, a queda da idealização. Mas não só isso, ela o rejeita e também tudo mais que a rodeia: trabalho, marido, amigos. Ela entra em uma tristeza profunda, algo inconcebível para uma mulher que acabou de ganhar um bebê. E a cada cena só piora, e a angústia vai nos consumindo a cada minuto do longa, pois presenciamos, de forma bem crua, a depressão se instalar.

A relação da mãe com o bebê é muito intensa e tão avassaladora que é comum que esse momento não seja maravilhosamente mágico como se imaginava. A sensação de solidão e desamparo é tão recorrente que fico muito incomodada de não se falar dela. Minha gente, a mãe também precisa ser cuidada enquanto cuida. Uma das coisas julgadas como mais terríveis é não amar o filho ou não o colocar como o maior bem de sua vida de imediato, logo, ao se ver nessa situação, Rebecca se cala e assim só piora seu quadro, passando a cogitar a morte, tanto a do recém-nascido, quanto a sua.

Sempre quando eu penso nesse momento em que estou e que Rebecca também estava, na pós-chegada da cria, noto a importância do apoio e acolhimento dos que estão ao nosso redor, para a nossa sanidade. É necessário quebrar ao meio essa ideia de que nascemos prontas para ser mães e que o amor é imediato, pois não é assim. O amor pelo filho é realmente imenso e indescritível, mas ele é construído paulatinamente, dia após dia. Também é fundamental o cuidado coletivo, todos cuidarem da criança no espaço privado e acolhê-las no espaço público. Olhem com empatia para nós e nossos filhos, nos deem suporte e ouçam nossas histórias. Não somos as mães que vocês imaginam, mas somos mulheres extremamente fortes.

*puerpério: momento pós-parto.
____


Débora Costa: uma mãe feminista metida a estudante de Direito, a artista, a produtora e que gosta que só de filme.

Texto originalmente publicado na SÉTIMA: Revista de Cinema (edição 33, de julho de 2016), que é distribuída gratuitamente na Região do Cariri cearense. A Revista Sétima é uma publicação do Grupo de Estudos Sétima de Cinema, que se reúne semanalmente no SESC de Juazeiro do Norte-CE.

Textos recentes da Revista Sétima postados no Blog O Berro:
- Licença, mas eu gosto de comédia romântica
- Uma Noite em 67 
- O documentário da subversão no Cariri: ‘O Caldeirão da Santa Cruz do Deserto’ e a multidão exterminada 
- Sales e salas
- A época em que está meu espírito
- Meus 10 melhores filmes de todos os tempos, por Ailton Jesus 
- As asas de Ythallo Rodrigues 
- Ecos que atravessam os séculos

.